14 de janeiro de 2017

Resenha » Uma Chance para Recomeçar, de Diana Scarpine


A função dos livros de amor na atualidade é fazer homens e mulheres suspirarem a respeito de histórias perfeitas que ainda não puderam ser vividas por eles... mas alguns provam que nem todo romance é um jardim de rosas, demandando muita coragem de duas almas que se amam para enfrentar os espinhos e chegar até as suaves pétalas de um amor doce e sincero. Um grande exemplo disso está presente no romance especial que ganha seu post no dia de hoje, escrito pela autora parceira Diana Scarpine: Uma Chance para Recomeçar trata justamente das voltas que a vida dá, da falta de controle que nós possuímos sob nossos planos e dos eternos recomeços que nossa existência nos obriga a viver.




Now playing: Dust in the Wind - Kansas // CLIQUE NO PLAY!

Uma Chance para Recomeçar, diana scarpine, romance nacional

Carina é uma moça de beleza mediana, que compensa uma falta de exuberância tão cobrada para as mulheres com uma inteligência fora do comum. Habilidosa na resolução de problemas, administra uma rede de supermercados do seu pai e acaba suprindo dia a dia a falta de habilidade que tem com suas próprias emoções em horas extras e inúmeras noites em claro pensando em trabalho. Num dia como qualquer outro, a moça se vê obrigada a frear seu perfil workaholic devido a um problema de saúde, e é nesse meio tempo que conhece Aurélio, um massoterapeuta que possui mãos mágicas e toque gentil, mas um amargurado coração batendo dentro no peito. Um acontecimento do passado arrancou de suas mãos grande parte da sua vida e deixou de lembrança profundas cicatrizes emocionais e físicas, além de deixá-lo cego. Contrariando todas as possibilidades, Carina e Aurélio sentem-se como se algo atraísse um para o outro, de forma que uma relação tão incomum e improvável acabe se tornando o caminho mais óbvio e certo para se seguir. Mas como as melhores coisas da vida exigem determinação e esforço para acontecerem, Carina e Aurélio precisarão de muita coragem para enfrentar seus medos e provar que há sempre um esplêndido arco-íris por trás de toda tenebrosa tempestade... e que o Sol sempre estará pronto para nascer de novo, na janela daqueles que permitem ir de encontro à sua luz.




❝ O acabamento da obra
Será que, algum dia, eu vou sorrir de novo?

Uma Chance para Recomeçar, diana scarpine, romance nacional

O livro é escrito pela nossa autora parceira Diana Scarpine (clique aqui para saber mais sobre ela) e foi publicado em 2016 pela editora Pandorga. Com 432 páginas, o livro é bem grosso, mas a leitura é extremamente fluida. Muitas vezes me vejo "encalhada" em livros muito grossos, mas com essa história isso não aconteceu e fiquei muito feliz! As páginas passam bem rápido e a gente quase nem vê. As folhas são amarelinhas e possuem boa espessura, juntamente com o tamanho da fonte que é adequado; por esses motivos, a leitura não é nem um pouco cansativa, apesar do grande número de páginas. Ah, e vocês sabem que eu amo capas, né? Pois é, na minha opinião a capa de Uma Chance para Recomeçar é encantadora!

O livro possui orelhas, a diagramação é impecável e as folhas são todas decoradas, tudo feito num trabalho muito delicado. Não encontrei erros de revisão.
Juntamente com o livro, a autora me enviou também o marca página da obra e esse conjunto me deixou morrendo de amores! Para finalizar, ainda me surpreendi com uma delicada dedicatória escrita pela autora para mim, que me fez sentir muito especial! ♥




❝ Por que você deve ler
Eu tivera a chance de recomeçar a minha vida e a deixara escapar facilmente por entre meus dedos.

Uma Chance para Recomeçar, diana scarpine, romance nacional

Você deve ler Uma Chance para Recomeçar pois este é um livro que vai além na missão de oferecer um simples romance, nos oferecendo também uma verdadeira lição de vida e uma prova de que o amor está sempre a nossa espera, não importando quanto tempo passe ou as ações que tomamos no passado. Carina e Aurélio simbolizam o exemplo perfeito de um casal completamente diferente, tanto em questão de personalidade, quanto a respeito de suas experiências de vida, e é aí que você percebe que de alguma forma eles de fato se completam, por mais que evitem a todo custo um relacionamento. É uma história que muitas vezes traz um aperto dentro do peito por tocar em temas muito intensos, como deficiências e traumas do passado, mas percebemos que é isso também que dá o tom do livro e nos ajuda a mergulhar na história. Aurélio carrega muita, muita mágoa dentro de si e isso o transformou em uma pessoa aparentemente rude e grosseira, mas a verdade é que Carina permaneceu ao seu lado mesmo após tudo isso pois compreendeu a verdadeira essência de Aurélio, que estava mascarada em forma de tanto amargor. Carina sentia que algo a prendia a Aurélio e não se afastou perante as primeiras aparências, pois sentia que ele poderia ser alguém muito melhor por trás daquela máscara; compreendeu seus traumas e dores e se dispôs a lutar ao lado dele até o fim. Essa é a essência do verdadeiro amor incondicional.

Gostei da forma como a autora abordou outros temas que também atormentam muitas pessoas, como a ansiedade de se conseguir um companheiro antes de uma certa idade. Muitas pessoas passam dos 30 anos sem encontrar o par ideal e pensam que o cupido as esqueceu, estando elas fadadas à solidão eterna, mas as coisas não são bem assim! Tudo tem o seu tempo certo para acontecer, e a forma como Carina se redescobre como mulher nesse meio tempo é simplesmente adorável. Portanto, o livro é um verdadeiro alento para todas aquelas pessoas que sonham em formar uma família, mas ainda não encontraram a pessoa ideal. Nunca é tarde, minha gente! Em algum lugar desse mundão, sempre haverá outro alguém tão solitário quanto nós esperando por um encontro com sua alma gêmea.

O livro também descreve com muitos detalhes a cidade em que a história se passa, Jequié, na Bahia. Em algumas páginas podemos conhecer desde suas características até sua acessibilidade, e isso é fantástico! Além de uma autora nacional, temos aqui uma obra que enaltece também as belezas e os aspectos nacionais que necessitam ser melhorados. Um trabalho verdadeiramente completo!




❝ Preste atenção!
Ela era o sol... e eu estava perdido.

Uma Chance para Recomeçar, diana scarpine, romance nacional

Leia a história com o coração aberto e tente compreender o passado de cada personagem com a mesma gentileza que Carina se dispôs a compreender as cicatrizes de Aurélio. Não julgue este ou aquele personagem por uma atitude impensada ou por alguma falha, pois só eles mesmos sabem o que viveram durante suas existências – principalmente Aurélio. Creio que tudo o que está presente no livro está lá por alguma razão, pois a autora realmente demonstrou saber o que estava fazendo... por este motivo, não se deixe levar por alguma palavra dita de maneira rude ou alguma má impressão. Entenda cada personagem e receba cada valiosa lição que eles tem para nos ensinar.




❝ Meu toque pessoal
Nossas principais características não são suficientes para nos definir.
O ser humano é muito mais complexo do que isso.

Eu senti que a missão do livro não é apenas contar uma história, mas sim, mostrar que a vida é realmente mais do que pensamos e que por mais que relutemos com essa verdade, nós não temos o controle de muita coisa. Nem sempre as coisas acontecerão do jeito que queremos, mas o importante é saber que de um jeito ou de outro, a vida vai continuar. Não há paradas ou pausas, ela seguirá correndo e somos nós quem precisaremos nos adaptar à ela, independente dos caminhos que resolver percorrer. E se escolhermos nos render as circunstâncias ruins e estacionarmos no tempo... iremos perder muita coisa, muita vida. O livro abre nossa mente em relação a isso, o fato de que nem tudo está em nossas mãos, e acaba até mesmo sem querer nos ensinando a ser mais pacientes, confiantes e determinados.

Uma Chance para Recomeçar, diana scarpine, romance nacional

Os personagens foram bem construídos e cada um conseguiu mostrar sua personalidade de forma adequada. Confesso que Aurélio me deixou com um pouco de raiva em alguns momentos devido a um complexo de inferioridade muito grande, o que o fazia duvidar o tempo todo do fato de que outra pessoa poderia amá-lo e até mesmo se sentir confortável ao seu lado. Isso me dava vontade de entrar na história de qualquer jeito e dar um chacoalhão nele, para ele deixar de ser besta e perder tantas boas oportunidades de ser feliz! Mas essas atitudes são compreensíveis se levarmos em consideração a destruição que seu passado impacta em seu presente e da quantidade de limitações que o acompanham dia a dia, além de um constante medo de ser um fardo para qualquer outra pessoa que se aproximasse de si. Outro ponto forte do livro é que, devido a deficiência visual de Aurélio, os ambientes em que os personagens estavam em cada momento eram retratados com grande riqueza de detalhes, o que favoreceu o leitor a se inserir na história e imaginar como cada ambiente era exatamente. É importante ressaltar também que o livro possui algumas cenas mais quentes, mas que até mesmo essas cenas foram retratadas com suavidade e delicadeza, sem nada explícito ou que utilize palavras de baixo-calão, o que tornou o livro em determinado ponto muito excitante, sexy e doce ao mesmo tempo.




❝ Considerações finais

Uma Chance para Recomeçar, diana scarpine, romance nacional

Em minha opinião, um romance bem escrito e extremamente delicado; mesmo que a relação de Carina e Aurélio não fosse um mar de rosas, eu ainda conseguia sentir uma atmosfera de completude quando os dois estavam juntos, e torci muito para que eles superassem suas dificuldades juntos. Se eles conseguiram atingir seu objetivo, vocês saberão apenas após a leitura... mas eu adianto que por mais que esta seja uma história impróvavel de amor, há muito mais para ser oferecido nas entrelinhas.

Aceite este convite e prepare-se para recomeçar ♥